Menu

7 Passos para se Publicar um Livro

7 Passos para se Publicar um Livro

Descubra os 7 passos para se publicar um livro

Se você seguir esse guia que contém os 7 passos para se publicar um livro, vai descobrir a efetividade e a produtividade que você vai ganhar. Contudo, muitas pessoas se sentem perdidas e não sabem por onde começar. A resposta inicial para alinhar expectativa é se informar e se espelhar em quem tem resultado.

Muitos erros são cometidos por conduzir o processo de forma intuitiva. Por isso, sugerimos fortemente que se prepare antes de pensar em publicar. Evite os erros mais comuns baixando o guia que disponibilizamos.

7 passos para se publicar um livro

Com isso, não perca tempo! Instrua-se e comece a escrever. Por isso, insisto. Nenhuma ideia, por melhor que seja, vale de alguma coisa se não for colocada no papel ou colocada em prática. Contudo, não adianta fazer isso de forma desatenta e sem técnica. Procure pessoas capacitadas a ajudar você no processo e invista no seu trabalho. Pois como sempre digo, se você não investe em você, quem vai investir?

Depois disso é importante seguir o processo com qualidade, não perca de vista a possibilidade de trabalhar com um bom trabalho de revisão ortográfica e estilística. Trata-se da qualidade da sua obra!

O próximo passo é editar com uma editora que te entenda, que te atenda e que te dê a atenção que você merece como autor. Por isso, entenda como a Pro Innovation, editora especializada, funciona.

A Pro Innovation. Como funciona e como realiza coisas extraordinárias junto aos seus autores?

Os passos seguintes são realizados via editora. Aqui é que está a diferença de quem conduz o processo de modo intuitivo, ou é deixado abandonado à própria sorte por suas editoras.

É tudo muito simples, mas não é nada fácil e é preciso um forte trabalho de condução e orientação, pois os processos são muitos. A produção gráfica, onde ocorre a diagramação do miolo e a criação da capa. Também é feito o registro do livro na Biblioteca Nacional (ISBN), a ficha catalográfica e por fim a definição da tiragem, a impressão dos livros e o lançamento da obra.

Pela lei do livro, um livro só é considerado livro se contiver o ISBN e a ficha catalográfica. Caso contrário, não passa de um impresso feito numa gráfica sem valor legal como livro.

Com todos esses cuidados tomados, o próximo passo é definir a tiragem adequadamente de acordo com a real capacidade de venda dos exemplares e caprichar no evento de lançamento.

Assim, o autor dá o primeiro passo em sua carreira de escritor. Depois disso, é assunto para um outro artigo…

 

Leave a reply